• Guitarra
Menu
O compositor João Pedro Oliveira, professor da Universidade de Aveiro e da Universidade Federal de Minas Gerais e membro da equipa de investigação do Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança recebeu mais dois prémios internacionais: 
- 1º Prémio no Concurso Internacional de Composição Franco Evangelisti
- Prémio Internacional de Excelência em Composição
 
O Concurso Internacional de Composição Franco Evangelisti organizado pela associação de música contemporânea Nuova Consonanza, realizou-se em Itália. As obras destinadas a este concurso deveriam ser compostas para piano e sons electrónicos. Das três obras seleccionadas para a final, duas foram de João Pedro Oliveira (In Tempore composta em 2000, e Mosaic composta em 2010), tendo sido o 1º prémio atribuído à obra Mosaic. Mosaic, para piano e sons electrónicos foi encomendada pelo Conservatório de Música de Viseu, tendo sido estreada pela pianista Madalena Soveral em Outubro de 2010. Ao abrigo deste concurso será publicada pela prestigiada editora italiana Suvini Zerboni. 
Para mais informações sobre o referido concurso: http://www.nuovaconsonanza.it/2010/concorso10.html
 
O Prémio Internacional de Excelência em Composição de 2010 é organizado pela Academia Nacional de Música nos USA, pelo Conservatório de Música de Neapolis e Conservatório de Música de Sykies na Grécia. Destina-se a premiar obras que se destacam pela sua excelência artística e utilidade no ensino do instrumento. A obra Hokmah, para clarinete e piano, composta em 2009 foi uma das obras que recebeu o prémio de excelência na categoria de nível avançado. Esta obra foi encomendada e estreada pelo clarinetista Nuno Pinto e pianista Elsa Silva. 
Para mais informações sobre o referido concurso: http://composition2010.musicprizes.com
 
João Pedro Oliveira, para alem destes dois prémios, também recebeu em 2010 o prémio para a melhor obra europeia atríbuido pela International Computer Music Association, durante a International Computer Music Conference, que se realizou em New York, e o 1º Prémio no III Concurso Internacional de Composição Francisco Escudero, que se realizou em Espanha.